Casamento x Ajuntamento – União ou destruição?

O Senhor Deus disse: “Não é bom que o homem esteja só; vou dar-lhe uma ajuda que lhe seja adequada.”(Gn 2:18)

A palavra de do Senhor diz que quando Deus criou a humanidade, “tudo era bom”. Mas chegou a uma certa altura vendo o Senhor que o homem por si se achava perdido nas Suas ordenanças,o Senhor disse: Não é bom que o homem viva só. (Gn 2)

Realmente creio que a solidão não é para o ser humano algo bom, nem aos olhos da pessoa mais egoísta do mundo. Mas para satanás esta solidão é boa. É por isso que o inimigo tem se aproveitado da solidão e brechas que damos para destruir a família. Foi assim no Éden e hoje isso não é diferente.

Jesus disse que uma “casa dividida, não subsiste” (Mc 3:25).

Uma pergunta: O que poderia dividir uma casa ?

Quando não existe fundamento na casa ela realmente cai. Quando nossa vida não é fundamentada em Cristo, ela facilmente cai. Não basta apenas se “escorar” em Cristo, mas estar fundamentada na Rocha que é Cristo (Mt 7:24-27). Quando não estamos “fundamentados” em Cristo somos “reféns” nas mãos do inimigo, porém quando somos firmados em Cristo, passamos a ser “ameaça”.

O Senhor mostra nessa passagem das duas casas, que ambas foram construídas, mas somente aquela firmada na Rocha foi a que “resistiu” as fortes chuvas e ventos contrários. Aquele que é sensato constroe sua casa na rocha. Mas não basta apenas construir na Rocha, mas cuidar para que “essa casa” se mantenha firme na Rocha. Edificar é mais que construir é manter-se firme até o fim.
Muitos casamentos tem sido destruídos por “rachaduras na estuturas”. Essas rachaduras são imperceptíveis, mas quando “provadas pelo vento”, algum dia elas poderão cair.
Rachaduras de ódio que não são tapadas com o perdão, rachaduras de “egoísmo que não tapadas com comunhão são algumas entre várias rachaduras que fezem com que o casa caia. O homem e mulher sensatas colocam a viga da “fidelidade de Deus” em suas casas. Fidelidade com Deus e para si. Aqueles que são sensatos não pensam em colocar uma viga que não sustente a carga de ambos, só os insensatos.

Sabe porque os insensatos colocam qualquer coisa em sua casa?
Pois eles querem apenas uma “experiência” de casa, mas não uma casa firmada.

É por isso que sua casas desabam. Os insensatos já constroem não esperando algo firme. Tenho visto muitos casais dizendo: “Se der certo dessa vez, eu caso” ! Outros dizem:
Eu vou me “ajuntar”, casar para que?

É por isso que o casamento tem sido substituído pelos ajuntamento.

É realmente muito fácil levar assim , pois não exige compromisso sério. É muito mais fácil escorar uma casa do que edifica-la.
Esses são os insensatos que acham que “suas estruturas” vão fazer a diferença na casa. De nada adianta uma bela casa construída sobre fundamentos experimentais (que são como areia),pois se elas com o tempo ruirão.
Isso me faz lembrar do edífiico Palace II, construido num dos bairros mais luxuosos do Rio de Janeiro, a Barra da tijuca, que desabou em feveireiro de 98. Especialistas disseram que o desabamento ocorreu por dois motivos principais:

1)Material de péssima qualidade (como areia). Como já havia dito, constuir uma casa na areia é risco. De nada adianta construir um castelo na areia, que logo se vai com as primeira águas.
Não faz muito vimos um famoso jogador que se uniu a uma modelo famosa gastarem uma exorbitância em um casamento. O cortejo saiu com carros de luxo, convidados famosos e etc. Tanto os noivos e os convidados estavam vestidos de grifes famosas e tudo era um luxo. O próprio casamento foi num “castelo”, mas este castelo desabeou em 3 meses, isso porque tudo foi construído na areia.
O casamento foi um luxo, mas não havia um convidado especial, Jesus. Quando não há Jesus vemos a diferença entre “união” e “casamento”. União é experimento, casamento é definitivo. União possui 2 dobras frágeis, casamento possui 3 dobras que não se rompem facilmente(Ec 4:9-12). Casamento é mais que união, pois a dobra mais grossa desse relacionamento, desse cordão que fica no centro, é Cristo. E quem quiser separar vai ver no centro de tudo,Cristo.
O que você tem colocado como material para sua vida conjugal ?
Materiais sólidos e príncipios de Deus como santidade, amor, confiança,fidelidade,cumplicidade ou tem
experimentado usar materiais de qualidade duvidosa como, paixão cega, lascícia, ciúme, infidelidade e egoísmo.
Não coloque material de péssima qualidade em seu relacionamento, pois é preferível que essa casa seja refeita, do que construir essa casa sobre esses fundamentos.

2) Erro de cálculo nas vigas de sustentação: O “pallace” caiu porque teve erro nos cálculos. Uma pergunta: Você tem calculado o custo dessa casa? Você tem sabido o “preço dos materiais” ?
Será que você tem planejado construir essa casa ou tem feito de qualquer jeito? Muitas vezes os materiais que você tem colocado nesse relacionamento tem saído caro para você, pela falta de planejamento. Muitos tem se precipitado em construirem suas casas (relacionamentos). Não esperam em Deus e por motivos de “domínio próprio” e “lascívia” , acabam ruindo. Casamento não é quebra galho para lascívia. Casamento e família é mais que suprir uma necessidade de alguém, de solidão. É trazer algo bom para o homem, por isso que disse não é bom que o homem esteja só, farei uma auxiliadora ou adjuntora. Aquela que ajudará o homem a crescer. Esse é o principal objetivo.

Uma vez Jesus disse: Pois qual de vós, querendo edificar uma torre, não se senta primeiro a calcular as despesas, para ver se tem com que a acabar? Para não acontecer que, depois de haver posto os alicerces, e não a podendo acabar, todos os que a virem comecem a zombar dele, dizendo: Este homem começou a edificar e não pode acabar. (Lc 14:28-30)

Muitos casais não calculam , outros se precipitam e começam a calcular o custo, somente quando o relacionamento envolve uma terceira pessoa (gravidez). Isso porque a insensatez os fez guiar para esse tipo de construção…. Portanto não deixe de calcular o que envolve a construção de uma família e o que significa casamento.

Amados, firme seus relacionamentos em Deus.

Casamento e família são projetos de Deus que não pode ser feito de qualquer jeito. Casamento é maior estrutura de Deus contra o inimigo. Só que a diferença entre casamento sem Deus e o com Deus é que no que Deus aprova, existe uma estrutura indestrutível, um cordão de 3 dobras. como já havia dito.

Como diz Salomão: Melhor é serem dois do que um, porque têm melhor paga do seu trabalho.
Pois se caírem, um levantará o seu companheiro; mas ai do que estiver só, pois, caindo, não haverá outro que o levante. Também, se dois dormirem juntos, eles se aquentarão; mas um só como se aquentará? E, se alguém quiser prevalecer contra um, os dois lhe resistirão; e o cordão de três dobras não se quebra tão depressa.(Eclesiastes 4:9-12)

Esse cordão une você, seu conjuge e Deus. Quando existe isso “realmente” não existirá vento contrário, nem ondas gigantes que derrubarão essa casa,nem diabo algum.

Quem quiser prevalecer contra um, os dois lhe resistirão. Uma aliança e uma casa feita com 3 dobras ela não se quebra. Uma casa fundamentada na rocha, ela se torna firme.

Portanto amados, estruture sua casa na Rocha e firme sua aliança em Deus, onde ninguém poderá subsisitir e prevalever contra ela.
Não escore sua vida em Cristo, mas firme-se Nele e verás quão maravilhoso é viver a vida a dois.

 

Texto: Anderson Cassio

Fonte: http://estudos.gospelmais.com.br

 

 

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s