Cristão tem a última chance para retratar sua fé

 

 

 

Um cristão não identificado que vive na zona rural do norte do Laos está vivendo sob pressão para abandonar a sua fé em Cristo ou ele seria expulso da aldeia onde vive, segundo informações de pessoas que vivem na região.

 

 

 

A aldeia de Dongvieng, no distrito de Viengphuka, em Laos, disseram a um cristão que vive na região para que ele “desistisse de crer no cristianismo” no dia 7 de março, senão ele poderia ser expulso da aldeia.

O cristão, que é identificado apenas com um nome, teria sido intimado a comparecer na sede do governo local, onde ele foi interrogado por cerca de 20 funcionários do Estado, incluindo um membro do Partido Comunista, a liderança da aldeia e policiais.

“As autoridades do norte do Laos estão tentando a qualquer custo eliminar o cristianismo e as igrejas que estão enraizadas no seu distrito”, disse um ativista cristão em um de seus comunicados oficiais.

Khamla, como é conhecido o cristão, abraçou a fé cristã depois de ter sido curado de uma doença que ele tinha há muito tempo. Ele é o mais recente caso de um cristão que está sendo obrigado a renunciar a Jesus se quiser continuar a viver na aldeia.

Ore por Khamla e peça que Deus poça ser a justiça dele nesse momento de pressão e provações que ele está passando. Ore para que ele não seja expulso da cidade onde ele vive e para que outras pessoas possam encontrar a Jesus por causa de seu testemunho.

 

Fonte: Worthy News / Portas Abertas. http://www.portasabertas.org.br/noticias/2012/03/1441719/

Tradução: Lucas Gregório

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s