Pastores são perseguidos injustamente por policiais indianos

 

 

A polícia local atacou e agrediu cristãos num vilarejo em 19 de janeiro, prenderam o pastor e o ancião da igreja sob falsas acusações após interromper a oração e o culto na casa do pastor no vilarejo de Polami

 

 

 

  O pastor Victor Menon, 42, foi preso junto com o ancião da igreja Dr. Shant Kumar na casa do pastor Sosai Paraste, um pastor independente que ministra e vive naquela região. Os dois líderes da igreja tinham sido convidados para irem com suas famílias conduzirem orações de ações de graças pela cura milagrosa de Rajkumari, sobrinha do pastor Paraste, 20 anos.

Enquanto os cristãos estavam orando, dois policiais interromperam o encontro. Logo uma multidão, supostamente de hindus fundamentalistas, desceu a casa do pastor Paraste numa Mahindra Bolero SUV e juntaram-se aos policiais que perseguiam os cristãos.

Quando Menon e Kumar foram presos, “a esposa de Kumar, seus dois filhos, eu e minhas duas filhas insistimos para que deixassem nossos maridos saírem da prisão”, disse a esposa de Menon a Portas Abertas.

De repente, começou uma tensão e caos entre as aproximadamente 50 pessoas que tinham se reunido para orar e adorar. A multidão que agrediu os cristãos com a polícia tinham seus veículos cobertos por banners representando o Partido Bharatiya Janata (BJP – sigla em inglês) e Corpo Nacional de Voluntário  (RSS – sigla em inglês).

O Partido Bharatiya Janata é o braço político do RSS, o qual é o chefe defensor do fundamentalismo hindu. Membros do RSS estão sendo investigados pelo envolvimento em atos terroristas. O RSS é o corpo mãe que supervisiona as organizações hindus fundamentalistas 50-plus.

A polícia interrogou os dois pastores e durante o processo os agrediu. “Ficamos aterrorizados quando ouvimos eles baterem no meu marido”, disse a esposa de Menon. “Minha filha de nove anos começou a gritar, dizendo, ‘Porque estão batendo no meu pai? ’”.

Ela disse que ouviu os policiais dizerem enquanto batiam neles, “Quem vai livrar vocês hoje?”.

A polícia manteve o pastor e o ancião na delegacia até a noite. Rajkumari, a garota que foi milagrosamente curada também foi chamada pelos policiais para ir até a delegacia com seu pai. Os policiais os questionaram sobre a sua repentina mudança de fé e os ameaçaram com terríveis conseqüências após se converterem.

Mesmo depois de o pastor Paraste insistir dizendo que tinha convidado os dois líderes para a reunião e hospedados eles em sua residência particular, a polícia ainda registrou um caso contra Menon e Kumar. Eles foram enviados ao tribunal, acusados sob a seção 151 e 152 do Código Penal Indiano (IPC – sigla em inglês). Parastte insistia no tribunal para que fosse preso junto com Menon e Kumar, declarando que ele era o anfitrião da reunião.

Menon trabalha e pastoreia uma igreja com o nome de Casa de Oração de Cristo, situada em Manikpur, distrito de Korba. Korba fica de 230 km do vilarejo de Polami.

Ele se mudou para o vilarejo de Polami no mês passado, a convite do pastor Paraste para orar por Rajkumari que estava com uma doença mental. Rajkumari foi curada após Menon orar por ela.

Desde então, Rajkumari e os membros de sua família estão com sua fé edificada em Cristo. Paraste estava interessado em ter um encontro de oração para ações de graças, para testemunhar o surpreendente milagre na vida de Rajkumari, filha de seu irmão.

O governo existente no estado foi formado pelo Partido Bharatiya Janata em 2003 após vencerem a maioria dos assentos na Assembléia Legislativa do Estado. Os cristãos constituem cerca de 2% da população total do estado.

A Índia está atualmente em 32ª lugar na Lista de Vigilância Mundial da Portas Abertas. Essa violência destruidora contra evangelistas, pastores e cultos religiosos continua a ocorrer mensalmente, geralmente onde os cristãos vivem e trabalham em áreas remotas ou rurais.

Embora a constituição do país prometa a liberdade religiosa, a minoria, especialmente os cristãos, têm sido o alvo de campanhas ferozes que visam acabar com a liberdade religiosa.

 

Fonte: Portas Abertas

http://www.portasabertas.org.br/noticias/2012/02/1406096/

Tradução: Eliane Gomes

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s